O número de usuários das redes sociais brasileiras que querem bom engajamento nas redes sociais, seja para vender um produto ou serviço, ou mesmo para promover uma personalidade (influenciador digital), é grande.

É necessário desprover de técnicas para alavancar o tráfego ou o número de seguidores. 

Ao investir em redes sociais como estratégia para alcançar o maior público deve-se conscientizar de que os resultados não são da noite para o dia. 

Construir o nome de uma marca ou pessoa leva um tempo, precisa ser projetado e as etapas seguidas. Pois, assim como um comércio ou network físico, o digital também demanda confiança, credibilidade, ascensão e continuidade de trabalho para dar certo. 

Ganhar visibilidade é o que todos querem, mas será que estão fazendo correto? Muitos são os “cursos” comercializados na internet para ensinar as pessoas a terem perfis engajados, mas será que todo curso pode ser aplicado em todos os negócios? 

Tendo em vista as atualizações dos algoritmos das redes sociais, uma maneira de conseguir destaque hoje, pode não valer mais amanhã.  

É muito importante que uma marca se consolide em redes sociais e tenha uma identidade visual adequada para quando o consumidor pensar em um segmento, logo pesquise na lupa o nome em questão. 

Como funcionam as redes sociais

As redes sociais podem ser usadas de acordo com a sua necessidade.

Uma marca ou pessoa que deseja influenciar pessoas, já devem começar por redes sociais, envolvendo as pessoas mais próximas, inclusive este é um bom teste para saber se sua estratégia está dando certo. 

Então se as redes servem para socializar e eu pretendo trabalhar com ela, eu tenho que gostar de lidar com público também, pois terei que responder mensagens inbox ou direct, terei que responder comentários, terei também que comentar na publicação alheia. 

Interagir com o público é um ótimo fator na hora de posicionar bem uma marca. 

Por isso respostas e comentários estratégicos são válidos e o quanto mais profundo eles forem, melhor, esqueça o “muito bom”, “linda”, “ótimo”e foque em uma comunicação menos superficial e mais engajada sobre o assunto a ser tratado. 

Como alavancar as redes sociais

Podemos ver três dicas que vão ajudar a criar tráfego e ganhar seguidores nas redes sociais. Ressaltamos que estas dicas podem ser aplicadas em diversas redes, mesmo que cada uma tenha suas especificidades. 

Periodicidade

É certo que quanto mais conteúdo um perfil produzir, melhor para a criação de público, entretanto quem não conseguir publicar todos os dias, de manhã de tarde e de noite, pode manter uma periodicidade como:

  • Um conteúdo diário;
  • Um conteúdo a cada dois dias ou 
  • Quatro publicações por semana.

Variação de conteúdo

Conteúdo é criar um artigo relevante para os seu público-alvo, postagem como fotos e vídeos a todo tempo sem seguir uma estratégia é perca de tempo.

O Instagram, por exemplo, possui diversas formas de publicação, como: publicar uma foto; publicar até dez fotos (carrossel), publicar vídeos montados (reels), publicar vídeo normal;  realizar lives e a publicação de stories.  

Veja só, em apenas um aplicativo é possível fazer diversas publicações diferentes. Entretanto lembre-se que os conteúdos devem ser de acordo com o seu público-alvo e com o seu segmento.

Isso deixa o seu perfil mais diversificado para os seguidores, afinal ninguém quer ver toda hora a mesma coisa, ainda ajuda o algoritmo a entender que aquele perfil está interessado em usar os recursos da rede, o que é outro ponto positivo. 

Resolve problemas usando as redes sociais 

A vida real é muito interessante. Esses conteúdos cotidianos criam bastante engajamento, porém resolver problemas também. 

Nem tudo precisa ser somente sobre a marca ou a pessoa.Você deve tratar os seus seguidores de forma que demonstre que se importa com ele. Além disso, é de extrema importância estar atualizado sobre a rede.

Há diversas formas de solucionar pequenos problemas, exemplificando, fazer stories com o resultado da Loteria Federal, ou explicar como funciona a nova loteria da Caixa, +Milionária

Ensinar a fazer um arroz, são questões que parecem bobas, mas que vai ajudar muita gente e criar um relacionamento mais próximo entre influenciador e público. 

Tipos de problemas que as redes sociais podem ajudar a solucionar 

  • Troca de pneu de carro; 
  • Receitas de diversos pratos;
  • Assuntos financeiros;
  • Dicas de português;
  • Dicas de moda;
  • Resultados de jogos de futebol;
  • Resumo de novela (para quem não assistiu);
  • Dicas de filmes e séries;
  • Lançamento de livros;
  • Opções de lazer. 

Redes sociais mais usadas 

A Covid-19 trouxe significativas mudanças no meio digital. Além de maior procura por produtos e serviços nas redes sociais, as pessoas passaram a usá-las com maior frequência. No Brasil a rede ocupa a quarta colocação no ranking de mais usadas. 

Tendo em vista que o brasileiro passa aproximadamente 3h47 conectado as redes sociais, pode-se dizer que o país é um dos que mais utilizam os aplicativos, uma condição que preocupa profissionais da saúde mental e favorece o e-commerce. 

Rankeamento de redes mais usadas no Brasil: 

1. WhatsApp (165 mi)

2. YouTube (138 mi)

3. Instagram (122 mi)

4. Facebook (116 mi)

5. TikTok (73,5 mi)

6. Messenger (65,5 mi)

7. LinkedIn (56 mi)

8. Pinterest (30 mi)

9. Twitter (19 mi)

10. Snapchat (7,6 mi)

Gerenciamento de redes sociais 

Para profissionalizar um perfil, além de muito estudo sobre os conteúdos a serem publicados é preciso gerenciamento. 

Criar um cronograma mensal, quinzenal ou semanal das publicações certamente vai ajudar a conta e seus gestores a se manterem organizados. 

Não é bom trabalhar com improviso, já que existem agências cada vez melhor preparadas para cumprir essa missão. 

Inclusive quem não tiver tempo ou disposição para tal, pode terceirizar o serviço, contratando uma agência ou gestor de tráfego e redes. 

Artes para as redes sociais

A comunicação visual deve ser considerada por quem atua nos aplicativos sociais. Pois ela é como um cartão de visita. As artes devem ter coerência de cores e fontes que tenham a ver com você e seu público. 

Portanto o conhecimento básico do Photoshop, Indesign ou mesmo o Canva, pode ajudar nesta questão. 

A influência das redes sociais no comportamento das pessoas 

Quem nunca ouviu os bordões “sextou”, “daqui pra frente é só pra trás”, “berro”, “cancelar”, “date”, “crush” e outros?  Todas essas falas além de se tornarem comuns, virou moda.

Mas não é somente o jeito de falar, vestir, dançar e se divertir que foram influenciados pelas redes. Questões mais amplas, como a política e as pautas identitárias ganharam maiores proporções na era digital. 

Portanto elas influenciam hoje na maneira de se votar e se enxergar o mundo. Por isso é importante saber do quão significativo é emitir alguma opinião, por mais inofensiva que pareça, mediante as, agora, gigantes redes.

Como posso te ajudar?